“Mas nós fizemos por merecer?”

“Mas nós fizemos por merecer?” – provavelmente a questão mais importante feita em 2017 na comunidade de criptomoedas foi esta feita por Vitalik Buterin, o fundador do Ethereum.

Em Dezembro de 2017, este admirado russo-canadense de 23 anos postou o seguinte no Twitter:

Screen Shot 2018-01-22 at 7.40.28 PM

“Então o valor total do mercado de criptomoedas chegou a 0,5 trilhão de dólares. Mas nós fizemos por merecer?”

Esta mensagem foi seguida de vários outros tweets e explicações, mas, com este pensamento inicial, Vitalik conseguiu sintetizar de maneira elegante o sentimento geral que atualmente permeia o ecossistema de criptomoedas: as pessoas estão muito mais focadas no enriquecimento abrupto gerado pela valorização extrema das moedas do que no cumprimento das promessas de mudança real e inovação que temos ouvido ou que tem sido propagadas nos últimos anos.

Nas palavras de Vitalik: “quantas pessoas sem acesso ao sistema bancário foram inseridas no sistema bancário? Quantos ‘contratos inteligentes’ atualmente existem que efetivamente fazem algo interessante? Quantos Venezuelanos foram de fato protegidos da hiperinflação?

Ao longo de 2017, muitas criptomoedas tiveram valorizações estratosféricas, transformando muitos investidores em súbitos milionários. E, para dizer a verdade, este tipo de história faz manchete com muito mais facilidade do que, por exemplo, os esforços atuais de modernizar a indústria financeira centenária com a tecnologia do blockchain. O frenesi da mídia em relação à valorização de criptomoedas, previsões sobre o futuro e milionários do dia para a noite ocuparam a maior parte do espaço disponível sobre o tema no ano passado.

A grande maioria das pessoas (muitas das quais investidores em criptomoedas) ainda não entenderam completamente a importância do conceito do blockchain e seu verdadeiro potencial. Além disso, muitos nem se importam com isto, desde que a criptomoeda qualquer que compraram ontem continue a subir de preço – é a única coisa que importa.

Jeremy Gardner, um dos grandes personagens na comunidade cripto, apresentou um argumento similar na sua mais recente apresentação, durante a Conferência Norte Americana de Bitcoin realizada em Miami no dia 19 de Janeiro.

Screen Shot 2018-01-23 at 11.32.38 AM

Gardner criticou o foco atual na riqueza, que é tão comum hoje em dia na comunidade cripto, lembrando os presentes de uma época há algumas décadas em que os nossos pais jogaram fora as placas de protesto em Wall Street para trocar por um emprego corporativo e um plano de aposentadoria, e implorou à platéia que evite caminhar pela mesma trilha.

A revolução atual do blockchain tem profundas raízes sociais e muitas pessoas na comunidade estão de fato comprometidas em fazer algo para o bem comum, independente de ganhar dinheiro ao longo da jornada. Mas os esforços destas pessoas têm sido ofuscados pela atenção dada ao grande número de investidores/curiosos cujo único foco no assunto é ter lucro rápido independente do que existe por trás da tecnologia.

Em outras palavras, ainda temos um longo caminho a trilhar antes que as criptomoedas tenham um papel relevante na nossa sociedade. Existe um grande número de iniciativas que em breve aparecerá, mas ainda tem muita coisa por ser feita.

Um obstáculo atual parece ser o fato de que muitas das pessoas de talento que são capazes de superar os obstáculos relacionados ao mundo das criptomoedas tem dedicado seu tempo aos ICOs (sigla em inglês para Oferta Inicial de Moedas).

Screen Shot 2018-01-23 at 12.38.39 PM

Ao mesmo tempo em que os ICOs são uma forma legítima de levantar fundos para startups, muitos argumentam que o modelo tem sido abusado e utilizado em projetos que são uma besteira ou mesmo que não precisariam em absoluto estar inseridos no espaço das criptomoedas.

Este é um tema interessante que vou deixar para um post futuro.

 

cropped-crypto-conjecture-logo-21.png

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: